Como trabalhar na internet home office

Home Office

O Home Office é uma tendência no mercado de trabalho em todo o mundo. Qualidade de vida e flexibilidade estão entre as vantagens de deixar o escritório para trabalhar online a partir do conforto do lar.

Um inquérito recente publicado pela Inc. revelou que 88% dos 15.000 inquiridos optariam por um dia de trabalho mais flexível. Isto porque as pessoas procuram cada vez mais o equilíbrio trabalho-vida. Portanto, ficar num escritório durante 8 horas por dia ou trabalhar muito já não parece ser tão gratificante.

E num país como o Brasil, por exemplo, onde 41,3% da população trabalha informalmente, a decisão de optar pelo teletrabalho também pode ser uma grande oportunidade para assegurar um emprego ou um rendimento extra, de uma forma totalmente autónoma.

Contudo, há sempre o receio de que o trabalho de escritório em casa possa ser desafiante e mesmo improdutivo. Afinal de contas, a única pessoa responsável pelo seu próprio trabalho é você mesmo. Não há chefes ou superiores a supervisionar como ou quanto produz.

Como pode, então, adoptar este modelo para a sua carreira e ainda garantir um bom rendimento? Aqui estão algumas dicas da Conecta, o blogue da Copel Telecom.

Como criar um ambiente ideal home office agradável?

O primeiro passo para começar a trabalhar a partir de casa é preparar o ambiente para evitar distracções, interrupções e manter a rotina organizada.

Escolha um quarto na casa onde tenha privacidade e delimite este espaço para que todos saibam que este é o seu local de trabalho. Dar preferência a lugares onde não haja tanta movimentação de pessoas e a iluminação seja adequada.

Invista também em equipamento de escritório para tornar o seu dia-a-dia mais confortável, tal como uma cadeira ergonómica, um bom computador, velocidade de Internet e uma secretária adequada.

A decoração é igualmente importante. Fotos, livros relacionados com a sua especialidade, lâmpadas e até plantas tornam o ambiente mais personalizado e agradável. Lembre-se de que passará uma grande parte do seu dia lá.

Como ser mais produtivo no seu escritório em casa?

Estar em casa é estar confortavelmente em casa. Precisamente por esta razão, é importante estabelecer uma rotina para não perder tempo com tarefas que não estejam relacionadas com o seu trabalho.

Informe os seus clientes, parceiros comerciais e familiares sobre o seu horário de trabalho e peça-lhes que os respeitem. Desta forma, não sofrerá com interrupções ou pedidos em momentos inapropriados.

Ter uma agenda e criar um calendário de tarefas. Organizá-los por prioridade: os mais importantes e difíceis devem ser feitos primeiro. Os menos complexos e menos demorados, partem para mais tarde. O importante é encontrar uma rotina que se adapte à forma como se trabalha e gere bons resultados.

É também sensato abrir um CNPJ o conselho é começar na categoria de microempresário individual (MEI). Se possível, crie canais de comunicação específicos para o seu desempenho profissional, tais como um telemóvel e endereço de correio electrónico diferentes dos que utiliza para fins pessoais.

Mas tenha cuidado: evite o contacto com clientes e fornecedores apenas por meios virtuais. Sempre que possível, agendar reuniões presenciais ou fazer visitas para manter a interação social.

Não esquecer que a produtividade não está apenas relacionada com os tempos que passamos no trabalho. Os intervalos para almoço e descanso são igualmente importantes para arejar os seus pensamentos, recarregar as suas baterias, e manter a sua saúde atualizada.

Por outras palavras, quando o seu horário de trabalho chegar ao fim, levante-se da sua cadeira e saia para desfrutar da vida.

Como ganhar dinheiro a trabalhar em casa?

Bem, agora que organizou o seu escritório e estabeleceu um horário de trabalho, é altura de promover os seus produtos ou serviços na Internet.

Além de criar o seu próprio website para o seu negócio e estar presente nas redes sociais para o promover, existem outras plataformas que o podem ajudar nesta missão:

1 – Workana

Workana é um excelente site que oferece trabalhos freelance em diversas áreas tais como: desenvolvimento web, ilustração e multimédia, traduções e produção de conteúdos, desenvolvimento de software, aplicações móveis, edição e criação de vídeo, design, site WordPress, marketing digital, SEO, assistente virtual, consultoria empresarial e outros serviços remotos.

Pode registar-se gratuitamente como freelancer à procura de emprego ou como alguém à procura de um freelancer para o seu projecto.

Existe um sistema de pontuação para profissionais, que são classificados por empreiteiros.

Ao iniciar sessão pela primeira vez, tem de responder a um questionário sobre as suas competências.

2 – 99 Freelancers

À semelhança de Workana, nesta plataforma pode registar-se para oferecer os seus serviços ou contratar profissionais para realizar o seu projeto.

Entre os trabalhos mais populares na 99Freelas estão o desenvolvimento de websites, escrita de conteúdos, programação, SEO, desenho de logótipos e edição de vídeo.

A comunicação e negociação de contratos é feita na própria plataforma e há também um ranking dos melhores profissionais.

3 – GetNinjas

GetNinjas recebe mais de 200.000 pedidos por mês de clientes que procuram profissionais para executar serviços tais como assistência técnica, renovações, serviços domésticos, design e tecnologia.

Há todo o tipo de freelancers e, embora a concorrência seja elevada, é sempre uma boa estratégia publicitar os seus serviços nas mais diversas plataformas disponíveis.

4 – VinteConto

A VinteConto é um serviço que tem uma lógica semelhante aos anteriores, mas tem um enfoque muito específico: pessoas ou empresas com pouco orçamento para contratar um determinado serviço.

O preço máximo, como o nome sugere, é de 20 reais por serviço contratado. Entre as opções, trabalhos como o desenvolvimento de logótipos, serviços criativos, marketing digital, copywriting e tradução.

5 – Hotmart

No universo Hotmart, as possibilidades são infinitas.

A plataforma digital de distribuição de produtos oferece o serviço de alojamento destes produtos e ferramentas que ajudam a vendê-los, além de processar os pagamentos destas vendas e distribuir o valor às partes envolvidas de forma automatizada.

Nele, pode ser um produtor, que são pessoas ou empresas que hospedam algum tipo de conteúdo digital criado por eles – seja um livro electrónico, um curso online ou um manual técnico dentro da plataforma de marketing online.

Ou mesmo um comprador, que compra um produto que está a ser comercializado pela plataforma Hotmart.

Pronto para começar a ganhar dinheiro a trabalhar online?

Bem, agora tem ótimas dicas para pôr o seu home office a funcionar e ganhar dinheiro sem sair do seu escritório em casa. Mas lembre-se: para que um escritório em casa funcione eficazmente e gere lucros, é necessário um serviço de Internet de qualidade.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

52 − 51 =