Governo Federal estuda redução de encargo sobre frete marítimo


Por conta da alta no preço dos combustíveis e o possível aumento nos setores brasileiros que isso vai causar, o Governo Federal estuda a redução de encargo sobre frete marítimo. A medida pode reduzir custos de importação, o que teria um reflexo positivo nos preços das mercadorias.

A redução dos impostos marítimos é planejada de duas formas. Em uma medida, o governo planeja editar um decreto para diminuir em 30% as alíquotas do encargo. Essa medida pode ser publicada já nas próximas semanas.

Na segunda medida, seria revertido um veto do presidente Jair Bolsonaro, que barrou o corte nos impostos, aprovado dentro do projeto de incentivo ao transporte marinho, o BR Mar. A expectativa é que ainda esta semana o Congresso avalie essa decisão.

É provável que você também goste:

CEO da Azul diz que governo está agindo com rapidez nunca vista para resolver problema dos combustíveis

Governo divulga calendário de pagamento de todos os benefícios sociais de março

Propostas de redução sobre frete marítimo

Em janeiro, já era avaliado dentro do Governo Federal um meio de reduzir o frete marítimo. Porém, o Planalto afirmou que, por questões orçamentárias, isso não seria possível. Agora, integrantes da equipe econômica, afirmam que esse problema já foi superado e que é possível reduzir os impostos.

Uma das principais mudanças seria na redução de 25% para 16% em encargos sobre navegação de longo curso, que é o transporte internacional. A bancada do agronegócio é a principal interessada nessa alteração.

Já a proposta dentro da BR do Mar, o projeto de incentivo ao transporte marítimo, é de garantir o corte de tarifa de 8% que o presidente Jair Bolsonaro vetou. Essa redução, de acordo com o Ministério da Economia, poderia reduzir em até 4% o preço de itens da cesta básica.

O posicionamento do governo sobre o veto no BR do Mar deve ser debatido em uma reunião nesta quarta-feira, dia 16 de março, quando o Planalto estabelecer os assuntos para serem analisados na próxima sessão do Congresso.

Enfim, quer ficar por dentro de tudo o que acontece no mundo das finanças?

Então nos siga no canal do YouTube e em nossas redes sociais, como o Facebook, Twitter, Twitch e Instagram. Assim, você acompanhará tudo sobre bancos digitais, cartões de crédito, empréstimos, fintechs e matérias relacionadas ao mundo das finanças.

Imagem: CrispyPork/shutterstock.com





Source link

Leave a Reply

Your email address will not be published.

57 − 54 =