mais de 1 milhão de estudantes podem renegociar as dívidas


Cerca de 1,3 milhão de estudantes que possuem dívidas com o Fundo de Financiamento Estudantil (FIES) poderão renegociar suas pendências no programa entre 7 de março e 31 de agosto de 2022.

A Caixa Econômica Federal e o Banco do Brasil não detalharam o número de estudantes que se encontram inadimplentes em cada estado; os dois bancos apenas informaram o prazo e as condições de renegociação das dívidas dos estudantes. Por mais que as duas instituições financeiras sejam públicas, cada uma tem seus critérios próprios para a renegociação. Vejamos a seguir.

É provável que você também goste:

iti lança parceria com Pravaler para financiamento estudantil

Governo dá até 92% de desconto a estudantes com dívidas no Fies

Renegociação das dívidas do FIES no Banco do Brasil

Os estudantes que quiserem aderir à renegociação das dívidas do FIES deverão seguir alguns passos:

  • Baixar o aplicativo do Banco do Brasil (disponível para Android e iOS);
  • Clicar na opção “Soluções de Dívidas”;
  • Clicar em “Renegociação Fies”.

Através do aplicativo, o estudante verificará se enquadra-se nas regras para solicitar a renegociação, as opções para pagamento da dívida, os descontos e os valores da entrada e das parcelas.

A contratação da renegociação é feita de forma simples e pode gerar o boleto para o pagamento total da dívida ou da entrada, conforme desejar.

Caso o estudante queira realizar a renegociação de forma presencial, poderá fazer em qualquer agência do Banco do Brasil, mantendo as mesmas condições.

Aqueles que quiserem obter mais informações poderão acessar o portal www.bb.com.br, WhatsApp (61-4004-0001) ou Central de Atendimento BB (0800-729-0001).

O Banco do Brasil não possui autonomia para a divulgação de dados do FIES: essas informações podem ser consultadas diretamente com o Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE), que é uma autarquia do Governo Federal vinculada ao Ministério da Educação (MEC) e também Agente Operador do Programa.

Renegociação das dívidas do FIES na Caixa Econômica Federal

As renegociações das dívidas do FIES na Caixa Econômica Federal poderão ser realizadas de maneira 100% digital pelo site do banco

O saldo devedor dos estudantes beneficiários do FIES na Caixa é de 28 bilhões, sendo que a  dívida média por estudante é de R$ 35 mil.

Quais os requisitos para refinanciar a dívida do FIES?

Foi estabelecida pelo governo uma tabela de referência para a aplicação de descontos e parcelamentos dos pagamentos, mas o desconto será maior para valores em atraso até o dia da publicação da MP (30 de dezembro de 2021).

Estudantes com atraso superior a 360 dias

Aos estudantes inscritos no Cadastro Único (CadÚnico), ou que receberam o Auxílio Emergencial em 2021, o desconto será de até 92% no valor da dívida para o pagamento realizado de forma integral do saldo devedor, que pode ser pago à vista ou em até 10 vezes com parcelas corrigidas pela taxa Selic  (Taxa de Serviço, Liquidação e Custódia).

Aos demais estudantes, o desconto será de até 86,5% no valor da dívida para o pagamento do saldo devedor realizado de forma integral.

Estudantes com atraso superior a 90 dias

  • À vista: isenção total dos encargos e 12% do valor principal;
  • Parcelado: pagamento em até 150 parcelas, com isenção total de juros e multas.

Como consultar e renegociar as dívidas do FIES?

A Caixa irá disponibilizar uma página na web para ajudar o estudante que tem contrato com o banco, onde o estudante poderá consultar se tem direito a renegociação ou não.

Depois de confirmar se tem direito a renegociação e simular os valores a pagar, os estudantes poderão gerar o boleto para pagamento da entrada ou da parcela única. Caso seja necessário atualizar as informações cadastrais, é preciso enviar os documentos pessoais também pelo site.

Se constar pendências com os fiadores do contrato, será preciso enviar a procuração, os documentos pessoais deles e o comprovante de renda. Os dados entrarão em análise pela Caixa e, após a aprovação, o estudante poderá gerar o boleto.

Para efetivar o acordo é necessário realizar o pagamento do boleto (parcela única ou primeira parcela) e as parcelas não podem ter um valor inferior a R$ 200,00.

Para mais informações, o estudante poderá consultar o site da Caixa ou o telefone 0800 726 0101.

Enfim, quer ficar por dentro de tudo o que acontece no mundo das finanças?

Então nos siga no canal do YouTube e em nossas redes sociais, como o FacebookTwitterTwitchInstagram. Assim, você vai acompanhar tudo sobre bancos digitais, cartões de crédito, empréstimosfintechs e matérias relacionadas ao mundo das finanças.

Imagem: rafapress / shutterstock.com





Source link

Leave a Reply

Your email address will not be published.

− 1 = 4