O que é marketing de influenciador?

Os Influenciadores estão cada vez mais presentes na vida das empresas e dos consumidores. Isto é verdade tanto no contexto de mercados de vendas em grande escala como no contexto de negociações mais complexas. Por conseguinte, vale a pena compreender como podem enquadrar-se na sua estratégia de Marketing Digital.

Neste posto, separámos algumas das principais dúvidas daqueles que querem começar a fazer acções com influenciadores. Para as esclarecer, criámos um conteúdo com tudo o que precisa de saber sobre o Influencer Marketing, que pode ajudá-lo a perder o medo de investir parte do seu orçamento de marketing nestas acções que podem, sim, trazer grandes resultados para o seu negócio. Continue a ler para ver que esta estratégia também o pode ajudar!

O marketing influente é para a minha empresa?
Essa é a questão do milhão de dólares, não é? Ou 10 milhões de dólares, dependendo do tamanho da sua empresa.

Sabia que o brasileiro médio passa 9 horas ligado à Internet? E, destas 9 horas, a maior parte do tempo ligado é gasto em redes sociais?

E, nesta terra de consumo de dados, os influenciadores são os reis e rainhas de conteúdo: 71% das pessoas ligadas afirmam seguir algum tipo de influenciador, e 62% afirmam ter um influenciador favorito.

É importante compreender que os influenciadores constroem afinidade com os seus seguidores. Esta proximidade constrói confiança, e a confiança constrói vendas. Não surpreendentemente, 45% das pessoas afirmaram já ter comprado algum produto por recomendação das suas personalidades favoritas.

Estes dados ajudam a provar a força que o mercado de Influence Marketing tem vindo a ganhar.

Como escolher as pessoas certas para a sua estratégia de Influencer Marketing?

Muitas pessoas ligam a palavra influencer apenas a grandes celebridades da Internet. No entanto, a verdade é que as empresas têm muitos tipos de parcerias que podem ser feitas. A chave é encontrar alguém que faça sentido para a sua marca. Sabia, por exemplo, que essa pessoa pode já estar na sua empresa?

Está bem, talvez não necessariamente você (ou sim, quem sabe!). Precisa de mapear os influenciadores no seu segmento, quem são as pessoas que fazem as mentes dos seus consumidores, que tipos de conteúdo os seus potenciais consumidores seguem.

Durante esta análise, precisa de ter em conta qual é o objectivo da campanha Influencer Marketing, bem como a dimensão da sua empresa e o seu orçamento. Se quiser “disparar canhões”, precisa de encontrar um influenciador que tenha um número considerável de seguidores. Desta forma, alcançará mais pessoas, de vários perfis.

Por outro lado, os chamados micro-influenciadores podem ser mais úteis numa campanha de marketing B2B influencer, por exemplo. No caso de uma venda mais complexa com um bilhete mais alto, um vídeo de um perito a testar o seu produto pode fazer mais sentido. Lembre-se, porém, que qualquer campanha tem de se ligar à realidade desse influenciador.

Dicas para obter o melhor da sua estratégia de Influencer Marketing

Agora que sabe que a sua empresa pode realmente trabalhar com marketing influente e gerar bons resultados, é importante prestar atenção às dicas abaixo para obter os melhores resultados possíveis das suas acções.

1. Não limite a criatividade

Não deixe que a sua insegurança em lidar com a sua marca num ambiente não tão controlável como as suas redes imponha obstáculos na forma como irá estruturar a sua campanha de Influence Marketing. Lembre-se que as pessoas querem mensagens reais e verdadeiras, por isso não tenha medo de ousar e ser criativo.

2. Combine canais, campanhas entre canais, e explore combinações

Uma estratégia de Influence Marketing pode envolver apenas um influenciador, mas nunca se trata apenas do influenciador. Pense em como utilizar os seus outros canais para aumentar o alcance da sua mensagem. Se planeia utilizar mais influenciadores, crie um diálogo entre as suas comunicações e assegure-se de que as acções não são sobre publicações que não falam umas com as outras.

3. PJ ou PF?

Se vai contratar o seu próprio influenciador, sem a intermediação de uma agência, lembre-se de que este é um novo mercado. Muitos micro-influenciadores e mesmo os grandes influenciadores ainda não têm uma empresa aberta, pelo que será comum lidar com a contratação de indivíduos.

Evidentemente, o custo de fazer uma contratação RPA é mais elevado do que pagar uma factura emitida pelo seu contratante. No entanto, se o influenciador fizer sentido para o seu negócio, não deixe que isso seja dissuasor e programe você mesmo antes de conduzir as negociações.

4. Micro ou grandes influenciadores?

Para evitar fazer uma escolha que lhe trará mais custos do que resultados, pense no seu objectivo. Os grandes influenciadores normalmente chamam mais atenção pela quantidade de pessoas que podem mobilizar, no entanto, os micro influenciadores têm normalmente um envolvimento mais íntimo.

Não se deixe levar pelos números de seguidores, mas sim pelos resultados que este influenciador irá acrescentar à sua estratégia de Influence Marketing.

5. Cuidado com os quadrados

Um influenciador nem sempre comunicará com as pessoas da cidade em que se encontram. Pergunte ao seu influenciador quais são as principais cidades dos seus seguidores para compreender se a publicidade com eles faz sentido.

Para as empresas mais pequenas, a publicidade com influenciadores que trarão pessoas de outras cidades ou que gerarão uma procura que não pode satisfazer pode causar frustração entre estes consumidores, por isso pesquise muito bem antes de fechar o seu contrato.

6. Preste atenção ao comportamento anterior e subsequente do seu influenciador

Hoje em dia, os influenciadores estão mais conscientes de que as suas redes sociais são as suas marcas, e na maioria das vezes tentam não se envolver em controvérsias que possam manchar a sua imagem. Quando isto acontece, é comum que os seguidores exijam uma atitude dos patrocinadores do influenciador, perguntando se a atitude ou comentário está de acordo com os valores da sua marca.

Para evitar gerar qualquer tipo de crise, se o comportamento do seu influenciador não corresponder ao que prega como empresa, a melhor solução é rescindir o contrato. E, antes de fechar um contrato, faça uma pesquisa no Google por controvérsias e os últimos 6 meses de conteúdo desse influenciador.

Se o diálogo mantido estiver de acordo com os seus princípios, feche o seu contrato com paz de espírito.

7. #Publi ou #Ad

É muito importante deixar claro na sua comunicação com o influenciador que se trata de um anúncio. A publicidade encoberta não é ética e pode ser punida pelo Conar. Portanto, assegure-se sempre de que uma destas hashtags é inserida no final ou em todo o texto criado pelo seu influenciador.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

31 + = 34