Seu empréstimo Caixa Tem foi negado? Entenda o motivo


Recentemente, a Caixa Econômica Federal liberou uma nova linha de empréstimos a qual faz parte do Programa Simplificado do Microcrédito (SIM Digital). A oportunidade abrange um grande público, de modo que é destinada a pessoas físicas e pequenos empreendedores, ainda incluindo, a parcela da população que está negativada. 

Nesta linha, o SIM Digital pode ser contratado até por quem está com o nome sujo junto aos órgãos de proteção ao crédito (Serasa, SPC, etc.). Essa é a primeira vez que a Caixa concede créditos a este público.

No entanto, apesar das facilidades para contratação, ainda há pessoas que tiveram seu pedido negado pelo banco. Sobre este ponto, saiba que, de fato, algumas situações podem levar à recusa por parte da instituição.  

Motivos que podem levar a recusa do pedido

Em suma, o pedido do empréstimo Caixa Tem pode ter sido negado, em decorrência de 3 motivos, são eles: 

  1. Erros cadastrais: casos em que o solicitante informou algum dado pessoal de maneira errada na plataforma, resultando na negativa mediante a análise automática do Caixa Tem. Se assim for, saiba que ainda é possível corrigir a irregularidade atualizando seus dados, permitindo uma nova solicitação; 
  2. Ter débitos acima de R$ 3 mil: neste caso, a negativa vem pelo não cumprimento de um critério de elegibilidade da oferta. Em portaria, fica esclarecido que pessoas físicas e MEIs que possuem dívidas cujo valor supera R$ 3 mil em 31/01/2022, não estão habilitados a pedir o empréstimo; 
  3. Não se encaixar na proposta de empreendedor: os empréstimos para o MEI, podem chegar até R$ 3 mil, todavia, os valores devem ser utilizados para promover o empreendedorismo, em especial, na evolução de pequenos negócios. Caso o solicitante tenha o intuito de usar o dinheiro em outras finalidades, o pedido de crédito pode ser negado. 

Valor e condições de pagamento do SIM Digital  

Por fim, conheça as condições de crédito oferecidas pela Caixa, nas duas modalidades disponíveis para contratação:

Créditos para pessoa física 

  • Empréstimos entre R$ 300 e R$ 1.000; 
  • Parcelamento em até 24 vezes; 
  • Taxa juros a partir de 1,95%, ao mês; 
  • Contratação através do app Caixa Tem (necessário atualizar a plataforma, veja um guia clicando aqui). 

Créditos para MEIs

  • Empréstimos entre R$ 1.500 e R$ 3.000; 
  • Parcelamento em até 24 vezes;
  • Taxa de juros a partir de 1,99%, ao mês; 
  • Contratação, até o momento, só está disponível nas agências físicas da Caixa (necessário ter uma conta vinculada ao banco). 



Source link

Leave a Reply

Your email address will not be published.

16 − = 10