Treinador que briga por acesso na Série A da LBFF é acusado de agredir ex-namorada


O treinador da Stars Horizon, Iago “General” Marçal foi afastado da organização às vésperas dos confrontos decisivos para o acesso da Série A da Liga Brasileira de Free Fire (LBFF) após ser acusado de agredir a ex-namorada. Por meio de nota, o clube revelou que foi procurado por Kyara, ex-companheira do técnico, e que ele não está mais junto à equipe.

+ “Vamos trazer o título mundial para o Brasil”, dispara Kroonos
+ Adolescente se suicida no Equador e pais culpam Free Fire

“Na manhã desta sexta-feira, a ex-namroada do treinador da Stars Horizon, Iago “General” Marçal, entrou em contato com a nossa organização para relatar que sofreu agressões físicas e psicológicas enquanto manteve um relacionamento. Diante destas informações, decidimos não contar mais com o treinador. Repudiamos qualquer tipo de agressão, principalmente quando esta parte deveria dar amor”, disse a nota.

A Stars Horizon revelou, ainda, que está em contato com Kyara e que prestará todo o apoio necessário para a vítima enquanto a investigação está em andamento. Nas redes sociais, a ex-namorada de General publicou um vídeo onde mostra alguns dos momentos de agressão vivido ao lado do treinador.

Quer saber mais sobre Free Fire? Siga a Tropa Free Fire nas redes sociais: FacebookInstagram e Twitter!

De acordo com ela, foram quase três anos vividos dentro de um “relacionamento abusivo” onde ela sofria “agressões físicas e verbais, humilhações e traições por redes sociais”. No texto publicado no Instagram, ela alerta para que as pessoas não se calem diante de uma situação como essa. Veja o desabafo da ex-namorada de General na íntegra.

“Estou aqui fazendo um alerta e um desabafo. Nos pensamos que nunca vai acontecer conosco né?! Vivi 2 anos e 10 meses em um relacionamento abusivo, possessivo e depressivo. Foram 2 anos de agressões física e verbais, humilhações e traições por redes sociais.
Você que é e já foi vítima não se cale nunca, encontre pessoas que possa te da suporte e ajuda sempre vai ter alguém. Eu me via presa a uma pessoa que só me fazia mal, ao mesmo tempo que eu queria eu não conseguia SAIR era como se tivesse algo me puxando. Eu era totalmente depende emocional, fez e aconteceu comigo. Um relacionamento que casa dia piorava, cada dia tinha mais agressões tanto física como psicológica, cada dia tinha mais traições.
Era nítido que eu não estava bem, sumi das redes sociais me desleixei totalmente, não tinha ânimo para viver.
Depois de tantas agressões físicas e psicológicas eu resolvi colocar um ponto final e recomeçar minha vida do 0 , não está sendo fácil mas eu não desisti de mim mesma.
Em meio a esses 10% de relatos do que já aconteceu no meu relacionamento abusivo venho alertar vocês, não se submetam a isso PROCURE AJUDA.
Hoje estou me reconstruindo, me refazendo.
Só agradeço a Deus, por ter me guiado e estado comigo durante esse todo tempo, porque se não fosse ele me dando forças eu não estaria aqui a morte já teria vencido.”

A Stars Horizon entra no servidor neste sábado (23) em busca da vaga na Série A da LBFF por meio da Série de Promoção. A equipe chegará para o confronto sem o treinador após ele ser afastado pela organização depois das denúncias feitas pela ex-namorada.





Source link

Leave a Reply

Your email address will not be published.

+ 38 = 44